Discipulado é o terceiro propósito.


Para nós o discipulado não está lidado somente a um ensino bíblico teórico/acadêmico a uma pessoa interessada, ou então um conjunto de estudos básicos lecionados a um cristão novo na fé. Cremos que essas ferramentas são importantes, porém cremos também no aspecto relacional do discipulado que gera acompanhamento, cuidado e encorajamento.

Discipulado é o investimento que um cristão faz na vida de outra pessoa, ou seja, é vida na vida.

Discipulado é crucial para o crescimento cristão, assim como para tornar o evangelho visível em nossa vida comunitária como igreja. Fazemos todo o possível para cultivar uma cultura de discipulado em nossa igreja.

 

Estamos pensando particularmente em relacionamentos individuais, estamos falando sobre o encorajamento intencional e o treinamento de discípulos de Jesus com base em relacionamentos deliberadamente amorosos.

“O meu mandamento é este: que vos ameis uns aos outros, assim como eu vos amei”. João 15.12


Discipulado Intencional: “Não fostes vós que me escolhestes a mim; pelo contrário, eu vos escolhi a vós outros [...]”. João 15.16a.

Discipulado Propositado: “e vos designei para que vades e deis fruto, e o vosso fruto permaneça”. João 15.16.

Discipulado Humilde: Jesus diz: “Como o Pai me amou, também eu vos amei”. João 15.9.

Discipulado Alegre: “Tenho-vos dito isso para que a minha alegria permaneça em vós”. João 15.11.

 

O aspecto mais significativo de qualquer relacionamento de discipulado, com frequência, não é exatamente o que vocês fazem ao se encontrarem, mas o fato de vocês edificarem um “programa estabelecido” para relacionamentos de discipulado em nossa igreja.

 

Fazem parte do propósito DISCIPULADO os seguintes ministérios:

Escola de Líderes

Culto de Aperfeiçoamento de Líderes

Escola Bíblica Dominical

 

Nossa Declaração de Propósito

“A Igreja Bíblica Boa Vista existe para: ALCANÇAR os perdidos; UNI-LOS a outros cristãos; ajuda-los a CRESCER em sua fé; desafiá-los a DESCOBRIR seu ministério e HONRAR a Deus com suas vidas”.